Posts Marcados Com: memória familiar

Lançamento: “Para nossas crianças”

Ainda no início do ano, fomos procurados para editar e concretizar um projeto cuja história já encantava por si.

Tratava-se de um original escrito por Anna Cândida Aranha Rodrigues de Andrade, uma verdadeira contadora de histórias. Suas narrativas eram sempre aguardadas pelas crianças da família, ávidas por ouvir novamente os episódios da infância que Tia Anna sempre trazia consigo. Um dia, atendendo aos pedidos e sugestões dos adultos, ela começou a escrever essas histórias para que ficassem registradas de forma que mais e mais crianças desta árvore genealógica que jamais termina pudessem conhecer no futuro.

Sábio conselho, sábia Tia Anna: ela realmente passou em palavras aquilo que até então havia contado apenas verbalmente. Em 2007, quando faleceu, ela havia garantido a perenidade daquele cenário que hoje se faz tão distante.

Mas ainda faltava o último passo: transformar o arquivo de texto num objeto livre e vivo: um livro! E assim se fez.

Com a Biografias & Profecias o texto foi lido, relido e editado de maneira leve e respeitosa para não lhe tirar a autoria. Recebeu uma diagramação de acordo com aquele tema – a infância na fazenda. Nosso projeto gráfico ganhou a colaboração essencial de dois sobrinhos-netos da Anna Cândida. Por fim, a ideia em mantê-los em preto e branco, pois, como o próprio nome do livro indica é “Para nossas crianças”. Dessa forma, as páginas convidam os lápis de cor para serem coloridas pelo seus atuais e futuros pequenos donos.

Sabemos que cada livro é único, mas ainda nos surpreendemos com o caminho que cada um deles nos mostra. E como sempre queremos assim, sempre trabalhamos para este encontro com o surpreende em todos os aspectos do caminho editorial.

Um brinde à Família Aranha e aos seus pequerruchos, futuros leitores!

foto 2foto 3WhatsApp Image 2017-05-09 at 14.09.55WhatsApp Image 2017-05-09 at 14.08.34 (1)WhatsApp Image 2017-05-09 at 14.08.36WhatsApp Image 2017-05-09 at 14.09.02

Anúncios
Categorias: Nossos livros | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Lançamento – Reminiscências

Um dos trabalhos que nos marcaram neste ano de 2016  foi o livro de comemoração ao centenário de Amélia Costalonga Varejão.

Este belo projeto familiar já havia sido iniciado há anos, escrito em forma de fragmentos de lembranças ditadas por Amélia e escritas por sua filha, Maris Stella. Com o tempo, as memórias foram complementadas por outros familiares, como um tecido de histórias.

Todas essas narrativas estavam transcritas em dois cadernos e os filhos de Amélia sentiam falta de uma formatação para esse registro. Hoje, quando a memória da protagonista já não alcança tantos detalhes, o registro está garantido. O livro, chamado Reminiscências, foi o grande símbolo da festa de aniversário de seus 100 anos de idade, na presença de netos e bisnetos. Além de conter todo esse registro por escrito, há fotos de Amélia e cada núcleo familiar de seus nove filhos.

Para deixar o trabalho ainda mais completo, fizemos uma segunda encadernação – esta de páginas em branco – com o nome Mensagens, especialmente para receberem as palavras dos convidados durante a festa (além dos novos capítulos dessa história a serem escritos a mão pelos filhos a partir de agora).

Fica aqui nossa gratidão à Amélia e família pelo privilégio de realizarmos mais este projeto!

Amélia_05Amélia_04Amélia_03Amélia_02Amélia_01

Categorias: Nossos livros | Tags: , , , , , | Deixe um comentário

BP na Revista Vida Simples

Uma bela síntese do nosso trabalho feita pela Revista Vida Simples em 2011.

Revista Simples, setembro de 2011.

Revista Vida Simples, setembro de 2011.

Categorias: BP na mídia, Nosso Ofício | Tags: , , , , | Deixe um comentário

Voz do cliente – Camillo Nader

Em 2008 produzimos uma Joia de Papel para o empresário Camillo Nader. Neste depoimento ele relembra um pouco sobre o processo e a importância deste trabalho em sua vida.

 

 

Categorias: Nossos livros, Voz do cliente | Tags: , , , | Deixe um comentário

Lançamento de livro: Semeando sonhos

IMG_9177_reduzidaCelebramos na semana passada o lançamento de mais uma biografia, agora do querido José Nicodemos Pereira Lopes.

Este livro foi assim: em janeiro de 2014 marcamos o primeiro encontro com aquele que seria nosso próximo biografado: tratava-se de um engenheiro, um perito, um professor da FEI. Aos sessenta e poucos anos, ele queria deixar registrada sua história e a história de suas origens humildes para o seus filhos e garantir que essa trajetória não se apagasse para as gerações seguintes. Nicodemos já tinha este sonho há tempos, observando a riqueza de sua trajetória e ciente de que em algumas culturas é muito comum as famílias terem um livro com o registro de suas histórias.

Essa premissa é o que o rege também o nosso trabalho e – por mais que algumas pessoas estranhem a biografia de alguém “comum”, ou seja, que não está entre as celebridades que vemos na TV ou nas revistas – o ensejo não nos soou estranho. Para nós, que trabalhamos com histórias de vida, não existem pessoas “comuns”.

A surpresa, na verdade, veio quando nos deparamos com aquele senhor que nos abriu a porta de seu escritório naquela manhã.

Como observadores das palavras ditas, mas também das não ditas, ficamos surpesos com a simplicidade do Nicodemos. Se tínhamos uma imagem pré-concebida de um engenheiro, mestre, perito oficial da Justiça, cidadão são-bernardense… aquele pré-conceito caiu por terra naquele instante. E então uma imagem nova, original, começou a se mostrar como tinta fresca em nosso papel em branco quando Nicodemos, com sua voz doce e espírito calmo, começou contar sobre sua vida, começando pela infância. A poeira, o pé no chão e o sonho alto. Ah, e sua risada incomparável!

De uma hora para outra, nos sentimos em casa. “O Nordestino é um poeta, é um artista”, ele nos disse logo no primeiro encontro, quando contou sobre seus pais e pessoas que conhecia. E nos deparamos então com exímio contador de histórias.

E contar histórias não é fácil. Organizar uma vida toda e pensar na maneira de conduzir o leitor é um processo cuidadoso, repleto de armadilhas – sejam as armadilhas da memória ou dos próprios fatos – que são muito particulares de cada livro.

IMG_20150904_200852101_reduzidaNicodemos, em especial, foi um grande companheiro do nosso trabalho. Apaixonado pela história, confiou a nós a realização deste livro, cuja matéria-prima foi generosamente entregue por eleseus familiares e amigos de diferentes épocas e contextos. Portanto ficam os agradecimentos também a todos aos quais pudemos escutar e que compartilharam trechos dessa história. Muitas dessas histórias, contadas com envolvimento e paixão, facilitaram significativamente o trabalho da escrita.

Quando o processo de um livro deste se conclui, não é raro ouvirmos afirmativas do tipo “puxa, fomos até vocês para fazer um livro, mas jamais imaginávamos a experiência que vem junto deste resgate todo!”. No final, o livro acaba sendo mesmo o resultado de um grande mergulho na memória de cada um dos entrevistados, além de toda a emoção ao revisitar fotos, cartas e até mesmo o reencontro entre pessoas que há muito não se viam.

Esperamos que a satisfação de Nicodemos, seus familiares e amigos tenha sido tão grande quanto a da Biografias & Profecias, de fazermos parte deste rico processo biográfico.

Lançamento_reduzida

A editora Regina Rapacci Magalhães com Nicodemos Pereira Lopes, o biografado, e Fred Linardi, autor do livro.

IMG_9176_reduzida

Início do primeiro capítulo.

 

Categorias: Nossos livros | Tags: , , , , , , , , | Deixe um comentário

Durante as entrevistas

Nesta semana voltamos a ouvir algo comum durante as entrevistas de construção de um livro biográfico. “Nossa! Contratamos o trabalho de vocês para um livro, mas não imaginamos que o processo seria assim tão rico.”

De fato! Nossos clientes percebem, ao longo das entrevistas, a intensidade desta etapa do projeto. O livro passa a ser um resultado de um mergulho profundo e delicado, rememorações da infância, dos momentos marcantes, das alegrias e dores. Ajudar nossos biografados a debruçarem-se sobre passagens da própria vida é um trabalho que fazemos com o máximo de cuidado, instigando, mas também respeitando o tempo e o ritmo de cada um.

Fora isso, fica a atmosfera de celebração, pois registrar momentos da vida em palavras é um nobre motivo. Durante os meses de entrevistas, há encontros e reencontros especiais, já que muitas vezes o livro acaba propiciando a reunião de entes queridos que há muito não se viam.

Na foto, estamos com Nicodemos, depois de uma das entrevistas para o livro que contará sua história.

Nicodemos01

Categorias: Bastidores, Nosso Ofício | Tags: , , | Deixe um comentário

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.